Proibida a entrada de menores de 16 anos.

Proibida a entrada de
menores de 16 anos.

Uma das mais tradicionais padarias de Novo Hamburgo chega aos 56 anos

Desejo de seguir a tradição da família e pensamento na cidade

Uma das mais tradicionais padarias de Novo Hamburgo chega aos 56 anos

A tradicional Padaria Brasil, localizada na rua Joaquim Nabuco, completa mais um ano de vida. Fundada em 1° de junho de 1965, o tradicional ponto de Novo Hamburgo tem muita história para contar.

 

Há mais de 5 décadas, Diniz Furlan, fundador da empresa, chegava a Novo Hamburgo. Natural de Caxias do Sul, sua chegada a Capital Nacional do Calçado aconteceu por acaso. Ele era o motorista, vendedor e entregador da farinha de trigo produzida pela Cooperativa Tritícola Galópolis, na qual o seu pai, produtor rural era um dos associados. “Não dá para distinguir a qualidade do trigo a olho, saber se ele serve para isso ou aquilo”, diz. “Para a fabricação de pão, o trigo tem que ser forte, para dar crescimento. Para biscoitos, tem que ser farinha fraca, porque, se crescer, o biscoito quebra”, ensinou ao consultor imobiliário Jorge Trenz, que fez uma reportagem contando a história da Brasil.

 

No ir e vir, entre Caxias e Porto Alegre, o jovem faz-tudo foi visitar uma padaria que ficava em frente de onde, hoje, está a Padaria Brasil. O dono, um português, não queria mais saber de comprar farinha. Queria era vender o negócio.

 

Furlan levou a notícia para casa. Um mês depois, eles assumiram a loja. Quem iria cuidar? O pai e o sócio se entreolharam e não demoraram a decidir. "Vai você, Diniz." Corria o ano de 1965. Surgia, assim, a Padaria Brasil com seu espírito inovador.

 

Nos dois primeiros anos, a Padaria Brasil era uma filial do moinho, localizada em frente ao prédio atual, contando com 4 funcionários. Em 1976, foi tomada a decisão de sair do prédio alugado para um próprio, onde está até hoje, na Rua Joaquim Nabuco, 23.

 

Atualmente, a empresa conta com um quadro composto por aproximadamente 250 funcionários subdivididos entre matriz e filial, que atuam nas áreas de produção (panificação, confeitaria, congelados e cozinha), balcão de atendimento 24 Horas, vendas, expedição, distribuição e administração, em instalações que ocupam uma área física de aproximadamente 2.500m² na matriz e 3.600m² na filial.

 

Nos setores de produção denominados panificação e congelados, a fabricação de pães se dá em larga escala, com processos produtivos automatizados, principalmente na confecção de pães congelados, pães de bauru, cachorro quente e de forma.

 

Na confeitaria são produzidos os pães especiais, cucas, bolos, tortas, doces, salgados, folhados, biscoitos, panetones, produtos integrais, enfim, aqueles que demandam processos mais artesanais e exigem mão de obra especializada.

 

Hoje, a Padaria Brasil ainda tem um ponto 24 horas, localizado ao lado da padaria, que funciona em todos os dias do ano, sempre com pão quentinho.

 

AJUDANDO AS PESSOAS

 

A Padaria Brasil sempre teve tradição marcada na comunidade por ajudar o outro. Doou milhares de docinhos aos profissionais de saúde do Hospital Municipal em meio a pandemia. Recentemente, adotou a pracinha localizada em frente ao estabelecimento, reformando o local, plantando flores e futuramente a ideia é instalar uma pracinha para crianças no ponto.

 

Fonte: Texto Dênis Furlan, retirado do Facebook DuduNews Schmitz

01 de Junho de 2021

Compartilhar